Em Alice no País das Maravilhas, minha heroína favorita, claro, é Alice. Na história de Peter Pan, eu gosto mais de Tink Fairy. Eu realmente amo criaturas mágicas. Podem rir, mas adoro filmes com essa temática! Sou fá do menino mágico, o Harry Potter, sabia? Bem, é uma outra resenha. Vamos continuar! Em “Alice” gosto mais  do enredo com a queda na toca do coelho e a cena louca de beber chá.  Já em “Peter Pan” – minhas favoritas são as cenas em que Peter fica de guarda. O elegante Capitão Gancho e o retrato de Peter e a Fada Ding.

Bem, não estamos aqui pra falar de meus gostos. Estamos aqui pra comentar sobre o lançamento do filme Alice e Peter – Onde nascem os sonhos. Isso mesmo, dois clássicos que agora serão híbridos.

Para alguns, a ex-diretora da Pixar Brenda Chapman (autora de “Brave” e “Prince of Egypt”) tem uma transição emocionante para o mundo dos filmes. Ainda assim, agora um conto de fadas pode ser apresentado em uma forma tradicional, e não como um desenho animado! Na verdade, o início de “Peter Pan e Alice no País das Maravilhas” foi ofuscado por escândalos e nem se trata, desculpe, de “denegrir” os personagens centrais. A baixa autoestima sugere que esses dois heróis literários podem ser irmão e irmã. Por um lado, isso sugere certas possibilidades do ponto de vista da trama, mas, por outro, cheira a delírio. 

Em “Peter Pan e Alice” é preciso entender com imparcialidade, sem rever detalhes como a cor da pele dos personagens principais, que têm um direcionamento claramente engajado. E se você pensar bem, o projeto me parece ruim já que a Netflix desistiu de comprar o filme.

A história é sobre as crianças. Os pais, representados por David Oyelowo (sim, não é fácil pronunciar o sobrenome) e até mesmo a própria Angelina Jolie, estimula a criatividade mental dos filhos. Peter rs.

Surpreendentemente, antes de Alice ir para o País das Maravilhas e Peter se tornar Pan, eles eram irmão e irmã. Suas aventuras lendárias começaram graças ao poder da imaginação herdado de uma mãe amorosa e um pai visionário. Quaisquer que sejam as provações que sua família enfrentou, eles nunca se esqueceram de sonhar. O Chapeleiro Maluco e a Rainha Vermelha, a fada Tinker Bell e o Capitão Gancho – a magia espera em cada esquina, você só precisa ser capaz de vê-la.

Vamos  aguardar sua  estreia no dia 18/02/2021, sujeita a alteração.



Categories: Cinema

Leave a Reply


Wordpress Themes

Featured Posts

"Peaky Blinders": por que a sa

  Foi revelado na semana passada que a série de sucesso da BBC " Peaky ...

The Walking Dead Season 10c Of

Então já chegamos à 10ª temporada, muito tempo passou e muita água correu por baixo ...

No final de 2020, a Netflix ul

No final de 2020, a Netflix ultrapassa 200 milhões de assinantes. Isso é muito mais do ...

Popular Posts

Disney publicou a pr

 A Disney lançou um cronograma de lançamento detalhado para 2021 ...

A Netflix anunciou p

A lista de estreias da Netflix inclui seis filmes de ...

Charlize Theron e Ke

Theron aparecerá como Lady Lesso, e Washington terá o papel ...

A Serbian Film (Um

O filme extremamente pesado da historia.O  valor de  "A Serbian ...

Polícia Federal e P

Prepare-se para a sua aprovação de maneira mais ágil, enxuta ...

Sponsors